Translate this blog

Pesquisar este blog

1.28.2011

Colaboração e muita interatividade no ar!! Participem!!

Olá pessoal!

Antes de tudo devo agradecer a todos que submeteram contribuições e sugestões de pauta! Procurei atender a todos colegas e leitores e, de um modo ou de outro, atingir a todos públicos que recorrem a nosso blog como meio para aprimoramento profissional.


Esta semana foi bastante profícua e produtiva. Pode ser precoce, mas acredito que acertamos ao decidir pelas atualizações semanais. Em verdade, eu não guardava incerteza quanto ao projeto, mas em relação ao dia da semana que escolheríamos.

Optei pela sexta-feira. Parece que escolhemos o dia correto... vamos aguardar um pouco mais antes de comemorar. O fato é que estamos recebendo contribuições e também poderemos comentar fatos da semana e assuntos do gênero.

Um dos contatos interessantes que surgiram nos últimos meses foi com nossa colega Cláudia Regina S. Oliveira, Diretora de Relacionamento do Portal RHNet


..:: Saiba mais ::..
PORTALRHNET é um canal on-line de informação, direcionado ao profissional de Recursos Humanos, estudantes e interessados sobre gestão de pessoas.

Idealizado com objetivo de oferecer um conteúdo qualificado, abrangente e atualizado, organizamos as informações de forma prática e dinâmica com temas variados para uma rápida absorção e aplicabilidade.
Há algumas semanas passei a colaborar no Portal como Consultor Virtual e, assim, compartilho com nossos leitores esta novidade tão bacana. Participem!! Há outros colegas como Eliane Aguiar, Comunicação & Expressão; Santuza F. Rodrigues, Gestão de Pessoas; e Thomas F. Reaoch, Coaching Pessoal.

Legal, moçada! Espero que as matérias da semana sejam de valia a todos e que possamos na próxima semana contar com mais e mais contribuições!!

Um forte abraço!

Sucesso sempre,
Aristides Faria

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Meliá Angra com diária cortesia em fevereiro

Para quem programou suas férias para fevereiro, uma ótima opção é o Meliá Angra que está com a promoção 4X3, ou seja, a cada três diárias pagas, a quarta diária será cortesia do hotel. O valor da diária é de R$ 360, por pessoa em apartamento duplo/categoria luxo. Inclui cortesia de hospedagem para uma criança de até oito anos acomodada junto aos pais e o sistema All Inclusive: café da manhã, snacks variados, almoço, jantar, bebidas diversas (alcoólicas e não alcoólicas exclusivas do pacote).

A programação para o mês de fevereiro foi elaborada sob medida para atender tanto crianças como adultos. Para os pequenos, diversas opções como: oficinas de artes com os monitores do kids club, reciclagem, penteado maluco e miçangas, jogos divertidos, pintura facial, olimpíadas kids, além do contato com a natureza em um passeio exclusivo ao manguezal com parada para alimentar os peixinhos. Enquanto as crianças se divertem, os pais poderão desfrutar de caminhadas ecológicas, alongamento matinal, Hidrorecreativa, jogos na piscina, oficinas de artesanato e reciclagem, aulas de dança, Acqua Dance, programação de jogos nas quadras e relaxamento no final da tarde, além das atividades noturnas com a equipe de lazer.
Em frente à Ilha do Pimenta, o Meliá Angra conta com uma área de mais de 98.000 m², sendo que 40% desta área é reservada para garantir a conservação da Mata Atlântica remanescente. O resort oferece uma infraestrutura completa, com: fitness center, SPA com ofurô, sauna, quadras de tênis, quadra poliesportiva, salão de jogos, passeio de escuna, passeio de lancha, piscina, bar molhado, marina própria e suporte à prática de esportes náuticos.
Promoção 4X3: a cada três diárias pagas, a quarta diária será cortesia do hotel. O valor da diária é de R$ 360, por pessoa em apartamento duplo/categoria luxo. Inclui cortesia de hospedagem para uma criança de até oito anos acomodada junto aos pais e o sistema All Inclusive: café da manhã, snacks variados, almoço, jantar, bebidas diversas (alcoólicas e não alcoólicas exclusivas do pacote). As diárias deverão ser acrescidas de 2% de ISS. O pagamento poderá ser efetuado em 4 x sem juros no cartão de crédito (Visa, Mastercard, Diners ou Amex). Promoção válida para o período de 1º a 28/02/2011.

..:: Meliá Angra Marina & Convention Resort ::..

Praia do Canal Pimenta – Pontal, na BR 101, km 488, Angra dos Reis – RJ

Reservas pelo telefone: (24) 3421 1100 - reservas.melia.angra@solmelia.com.br

Informações para a imprensa: (11) 3976-0225 / 9781-2402 c/ Eliana Zani - Omnipress Comunicação Empresarial

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Senac Bauru oferece dois novos cursos de pós-graduação em 2011

O Senac Bauru aumenta seu portfólio da pós-graduação e passa a oferecer dois novos cursos em 2011. São eles: Controladoria e Finanças e Gerenciamento em Enfermagem.
Complementam a lista de cursos oferecidos pela unidade de Bauru o de Gerenciamento de Projetos - Práticas do PMI, Gestão de Negócios em Serviços de Alimentação – Foco em Resultados e Gestão Integrada da Qualidade, Meio Ambiente, Segurança e Saúde no Trabalho e Responsabilidade Social.
As inscrições para a pós-graduação lato sensu do Centro Universitário Senac com início no primeiro semestre de 2011 podem ser feitas até dia 24/2/2011. São oferecidos, na capital e no interior do Estado, mais de 60 títulos, entre os quais 16 inéditos.

..:: Para saber mais informações e se inscrever on-line, clique aqui!

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Mensagem para reflexão: A crítica

Convidada a fazer uma preleção sobre a crítica, a conferencista compareceu ante o
auditório superlotado, carregando pequeno fardo.
Após cumprimentar os presentes, retirou os livros e a jarra de água de sobre a mesa, deixando somente a toalha branca.
Em silêncio, acendeu poderosa lâmpada, enfeitou a mesa com dezenas de pérolas que trouxera no embrulho e com várias dúzias de flores frescas e perfumadas. Logo após, apanhou na sacola diversos enfeites de expressiva beleza, e enfileirou-os com graça. Em seguida, colocou sobre a mesa um exemplar do Novo Testamento em capa dourada.
Depois, diante do assombro de todos, depositou em meio aos demais objetos uma pequenina lagartixa, num frasco de vidro. Só então se dirigiu ao público perguntando:
- O que é que os senhores estão vendo?

E a assembléia respondeu, em vozes discordantes:
- Um bicho!

- Um lagarto horrível!

- Uma larva!

- Um pequeno monstro!
Esgotados breves momentos de expectativa, a expositora considerou:

Assim é o espírito da crítica destrutiva, meus amigos! Os senhores não enxergaram o forro de seda alva, que recobre a mesa. Não viram as flores, nem sentiram o seu perfume. Não perceberam as pérolas, nem as outras preciosidades. Não atentaram para o Novo Testamento, nem para a luz faiscante que acendi no início. Mas não passou despercebida, aos olhos da maioria, a diminuta lagartixa...

E, sorridente, concluiu sua exposição esclarecendo:
Nada mais tenho a dizer...
Quantas vezes não nos temos feito cegos para as coisas e situações valorosas da vida.

(Autor desconhecido)

Por que será que a maioria das vezes temos esta atitude diante dos fatos

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Off topic: dinamize seu currículo! É muito simples!

Você acha que não te contratam em uma Grande empresa porque o seu currículo é muito "fraquinho"? É muito simples: basta fazer algumas substituições no Nome de sua profissão!
A seguir, algumas dicas para você dar um reforço em seu currículo:

..:: Especialista em Marketing Impresso (boy da xerox)

..:: Supervisor Geral de Bem-Estar, Higiene e Saúde (faxineiro)

..:: Oficial Coordenador de Movimentação Interna (porteiro)

..:: Oficial Coordenador de Movimentação Noturna (vigia)

..:: Distribuidor de Recursos Humanos (motorista de ônibus)

..:: Distribuidor de Recursos Humanos VIP (motorista de táxi)

..:: Distribuidor Interno de Recursos Humanos (Ascensorista)

..:: Diretora de Fluxos e Saneamento de Áreas (a tia que limpa o banheiro)

..:: Especialista em Logística de Energia Combustível (frentista)

..:: Auxiliar de Serviços de Engenharia Civil (Pedreiro)

..:: Segundo Auxiliar de Serviços de Engenharia Civil (Servente, o chamado peão de obra!)

..:: Especialista em Logística de Documentos (office-boy)

..:: Especialista Avançado em Logística de Documentos (motoboy) - que delícia...

..:: Consultor de Assuntos Gerais e Não Específicos (vidente) - esse é melhor ainda!

..:: Técnico de Marketing Direcionado (distribuidor de santinho nas Esquinas) - que ideia genial!!!

..:: Especialista em Logística de Alimentos (garçom)

..:: Coordenador de Fluxo de Artigos Esportivos (gandula)

..:: Distribuidor de Produtos Alternativos e Alta Rotatividade (camelô) - não é perfeito???

..:: Técnico Saneador de Vias Publicas (gari)

..:: Especialista em Entretenimento Masculino (prostituta)

..:: Especialista em Entretenimento Masculino Sênior (prostituta de luxo)

..:: Dublê de Especialista em Entretenimento Masculino (travesti) - esse é bárbaro!!!

..:: Supervisor dos Serviços de Entretenimento Masculino (cafetão)

..:: Técnico em Redistribuição de Renda (ladrão)

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

TUR.SP disponibiliza aplicativo do Rotas de São Paulo


Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Ranking ICCA | Comunicado aos associados do SPC&VB

Prezado Associado,

Como é de seu conhecimento, enquanto membros da ICCA (International Congress & Convention Association), o São Paulo Convention & Visitors Bureau é responsável por reportar a essa entidade os eventos internacionais que acontecem anualmente na cidade de São Paulo.

No ano de 2009, a cidade se posicionou entre as TOP 20 do mundo que mais realizaram eventos, ficando em 18º lugar. Veja a evolução de São Paulo no ranking da ICCA!

Para ajudar a manter São Paulo entre as principais cidades, gostaríamos de poder contar com seu apoio, informando-nos se sua empresa sediou, organizou, prestou serviços de qualquer tipo a eventos internacionais realizados em 2010.

Para se enquadrar nos padrões exigidos pela ICCA o evento deverá ter:

- no mínimo 50 participantes
- rotatividade internacional

Importante: Ao ser registrado no site da ICCA sua empresa também será mencionada podendo ser divulgada para mais de 800 decision makers e mais de 3000 entidades associativas do mercado mundial de eventos.

Seu apoio será fundamental para continuarmos entre as 20 cidades que mais sediam eventos internacionais, para isso basta enviar para fred@visitesaopaulo.com, até o dia 27/01 a relação desses eventos que submeteremos a uma pesquisa de qualificação para participar desse importante ranking.

Contamos com você!

Atenciosamente,

Elisabete Sorrentino |Gerente de Captação de Eventos Internacional | SPC&VB

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Verão 2011 | É Natureza, História e Aventura com a Caiçara Expedições!

..:: Reserve já o seu roteiro, vagas limitadas!!! ::..

Maiores informações e reservas:
contato@caicaraexpedicoes.com
Tel/fax: (13) 3466-6905, (13) 8113-4819
www.caicaraexpedicoes.com

..:: Siga a Caiçara Expedições no Twitter ::..
http://twitter.com/caicaraexp

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Tornando-se um gerente pessoal

Para conseguir gerenciar bem o seu tempo e conquistar a administração pessoal, é preciso levar em conta quatro atividades-chave:

..:: Identificar papéis: ou seja, pensar seriamente nos papéis que desempenha na vida, primeiro como indivíduo - marido ou esposa, pai ou mãe, filho ou filha -, depois os papéis no trabalho e na sociedade. A partir daí, anote o tempo que vem gastando com cada um deles ao longo de uma semana;

..:: Estabelecer metas: é o segundo passo, ou seja, pense em dois ou três resultados que pretende alcançar em cada um dos seus papéis, nos próximos sete dias;

..:: Planejar: dados os dois primeiros passos, você pode olhar para a sua próxima semana com as metas em mente e o tempo reservado para atingi-las. Por exemplo, se uma dessas metas é melhorar sua forma física, é bom reservar uma hora durante 3 ou 4 dias
- ou quem sabe todos os dias – para atingir esse objetivo.

..:: Adaptar-se diariamente: é a última atividade-chave. A partir da organização da semana, o planejamento diário torna-se uma questão de estabelecer prioridades. Dedicar alguns minutos, todas as manhãs, para repassar seus compromissos pode colocá-lo em contato com as decisões baseadas em valores que você tomou quando organizou a semana, além de fatores inesperados que podem ter surgido. Conforme você revê o dia, percebe que seus papéis e metas implicam o estabelecimento de prioridades naturais.
Aprendendo a gerenciar seu tempo, você consegue organizar sua própria vida e o seu tempo com uma diferença qualitativa positiva. E mais, quanto mais as suas metas semanais estiverem ligadas à sua missão pessoal, maior será o aumento da sua eficácia.
..:: Stephen R. Covey, no livro "Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes"

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Alex Atala entrou para a lista dos chefs influentes, ao lado de Ferrán Adriá e Alain Ducasse

O brasileiro Alex Atala entrou para a lista dos 20 chefs mais influentes do mundo, publicada nesta quinta-feira (27/01) na cúpula gastronômica internacional Madrid Fusion.

Atala é dono do restaurante D.O.M, considerado um dos melhores do mundo. O estabelecimento fica em São Paulo e ganhou fama internacional por misturar ingredientes brasileiros com cozinha contemporânea. O chef já foi DJ, pintor de parede e apresentador de programa de culinária.
Os espanhóis Ferrán Adriá, Andoni Luis Aduriz, Juan Mari Arzak, Joan Roca, Martín Berasategui e Pedro Subijan, os franceses Michel Bras, Alain Ducasse, Pierre Gagnaire e Joel Robuchon, o italiano Massimo Botura, os japoneses Nobu Matsuhisa, Yoshihiro Narisawa e Tetsuya Wakuda, o britânico Heston Blumenthal, os americanos Thomas Keller e Grant Achatz, e dinamarquês Rene Redzepi, e o peruano Gastón Acurio completam a lista.
Estes 20 gigantes da gastronomia mundial foram votados por cerca de mil jornalistas internacionais credenciados para o evento, no qual foram abordadas as últimas tendências em matéria de culinária.

Depois de escolhidos os 20 melhores, a IX edição de Madrid Fusión começa a tirar a mesa, dobrar a toalha e guardar as frigideiras até o ano que vem.

Esta última jornada, junto à explosão de sabores peruanos pelas mãos de Gastón Acurio e às gulosas tentações mostradas no encontro paralelo Dulce Fusión, esteve centrada em analisar diferentes modelos de negócios de sucesso no mundo da gastronomia.

A Madrid Fusión fecha nesta quinta-feira suas portas após três intensos dias que foram seguidos por mil jornalistas, sendo 30% estrangeiros, e por dezenas de profissionais que participam do fórum para ficar em dia com as últimas novidades da gastronomia.

A importância de conseguir um negócio sobressalente para enfrentar a crise, com fórmulas para todos os gostos, seria a síntese do que foi exposto nestes três dias, nos quais, no entanto, também ficou claro que a cozinha da emoção, do humor, da sensualidade e da sensação das massas entre os dedos é tão atual como a que recorre às últimas novidades tecnológicas.

Embora a alta cozinha tenha sido a protagonista da cúpula madrilenha, na área de expositores houve lugar para coquetéis impossíveis, ingredientes impronunciáveis, alfaces vivas, plantas com sabor de ostra, quilos de presunto e queijos, e até um carrinho de cachorro-quente surpreendentemente bem-sucedido entre os presentes.

Fonte: Agência EFE. Contribuição recebida via e-mail do colega Heros Lobo.

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Turismo do vácuo, no país de políticos usuários do sistema turístico

Por: Prof. João dos Santos Filho - Currículo Lattes

Os estudos sobre a historiografia do turismo brasileiro têm revelado dados curiosos, que são objeto de debates e reflexões junto à academia. A história do turismo nacional ainda é pouco conhecida, e as relações pesquisadas estão muitas vezes longe de resgatar suas raízes autóctones, pois são dados tratados epistemologicamente com bases empíricas estrangeiras, um tipo de eurocentrismo moderno. Esquecendo-se que os ditos modelos teóricos para a implantação de núcleos turísticos se resumem a conclusões de cunho metafísico, sem levar em conta os padrões históricos societários nacionais, regionais e locais.


Isso nos leva a pensar o fenômeno do turismo como algo ligado exclusivamente ao desenvolvimento das forças produtivas capitalistas num viés economicista, em que o neoliberalismo acena para o turismo como um instrumento de crescimento puramente econômico para sociedades em geral. É nesta lógica que o sistema econômico sine qua non governa e acaba determinando aos centros de pesquisa e estudos a imposição de um modo quasi faciente de entender o objeto do turismo.

..:: Baixe o artigo completo aqui ::..

..:: Este post é uma recomendação do Prof. João, que além de um colega sempre presente, é Bacharel em Turismo, pelo Centro Universitário Ibero-Americano de São Paulo (Unibero) e Bacharel em Ciências Sociais, pela PUC/SP. Mestre em Educação: História e Filosofia da Educação, pela PUC/SP. Professor convidado na Faculdad de Filosofia e Letras da Universidad Nacional de Heredia (UNA), em San José da Costa Rica. Professor concursado pela Universidade Estadual de Maringá. Autor do livro “Ontologia do turismo: estudo de suas causas primeiras,” EDUSC, Universidade de Caxias do Sul.

..:: Entre em contato com o autor!

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Sistema Brasileiro de Classificação dos Meios de Hospedagem

Uma ferramenta de comunicação entre o setor hoteleiro e os turistas, com o objetivo de orientá-los em suas escolhas de maneira clara e objetiva, a classificação de meios de hospedagem é largamente utilizada por países líderes no turismo.

O Novo Sistema de Classificação de Meios de Hospedagem brasileiro é voluntário. Mas para isso é necessário que o estabelecimento esteja cadastrado no Ministério do Turismo – no Cadastur.

A classificação é válida por um período de três anos, podendo ser renovada por igual período de tempo. As avaliações serão feitas por inspetores competentes nas instalações do Meio de Hospedagem.
Para mais informações, entre em contato pelo telefone (61) 2023.8220 ou classificacao@turismo.gov.br.
..:: Fonte: Ministério do Turismo

..:: Este post foi uma recomendação da colega Jornalista e Hoteleira Martha Stoffella.

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

1.20.2011

Estratégia organizacional e Networking ::: A energia de uma idéia!

Prezados leitores,

Esta é nossa primeira atualização semanal. Pode parecer clichê ou algo sem importância, mas é uma ação que marca um novo Norte no direcionamento de nosso blog corporativo.

..:: Reorientação estratégica ::..

Estou particularmente feliz com esta experiência, pois é só a partir da maturidade – ainda que virtual – alcançada é que podemos ousar por um caminho que aparentemente é andar para trás. Não é mesmo? Estamos buscando um caminhar de muito mais qualidade e interatividade do que meramente quantitativo, focando o número de visitantes.


Muito obrigado! Só posso agradecer as 65.000 pessoas que visitaram e compartilharam suas impressões com nosso blog. Hoje, muitos desses acessos, tornam-se negócios efetivos. Além de amigos que acabamos por fazer ao longo do caminho.

Gostaria, entretanto, de expressar aqui meu lamento pessoal em relação aos desabrigados da região sudeste brasileira em virtude das fortes chuvas das últimas semanas. Notadamente, aos moradores da região serrana do Rio de Janeiro.

..:: Vivências ::..

Se nossas ações são fruto das experiências vividas, o status alcançado por nosso blog – e consequentemente a reputação de nossa jovem empresa – devem gratidão àquela região. Visitei Petrópolis quando criança. Foi uma das grandes aventuras de minha infância. Visitei lugares como o Museu Casa de Santos Dumont: "A Encantada", o Museu Imperial, o Palácio Amarelo, o Palácio de Cristal e me hospedei nas proximidades do Palácio Quitandinha.
Sem palavras. Que lugar maravilhoso! Foi uma de minhas primeiras vivências como turista, atribuo a isso um dos motivos por ter me encantado por essa área tão fascinante. Guardo no coração uma gratidão imensa por esta região, assim como pelas pessoas que nos acolheram àquela ocasião.
Sim, estas palavras são nada frente a tristeza e os prejuízos de toda sorte que se acumulam. Mas, é um meio de compartilhar meus sinceros sentimentos e compaixão com vocês, amigos.

..:: Instituto Voluntários em Ação ::: saiba como ajudar ::..

"Nós, brasileiros, estamos preocupados e sensibilizados com a situação das enchentes no Sudeste. Por isso, convidamos você para ser um voluntário divulgador dos pontos de coletas de doações e das contas correntes oficiais para depósito. Ao divulgar as informações corretas e oficiais de como ajudar, você já está contribuindo no apoio às vítimas dessa tragédia que devastou cidades e famílias. Mesmo se você estiver longe, pode ajudar com esse simples ato. Mande a mensagem com a informação correta para seus amigos, familiares e espalhe pelas redes sociais. Para isso, basta se candidatar para a vaga Cyberativista Divulgador de Boas Práticas e começar a agir!"

É isso aí, pessoal! Espero que nosso "projeto 2011" seja bem recebido por vocês e que possamos cada vez mais agregar valor à carreira uns dos outros!

Contem conosco! Participem, comentem e compartilhem conteúdo!!

Um forte abraço!

Sucesso sempre,
Aristides Faria

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Desigualdade e Favelas Cariocas: a Cidade Partida está se Integrando?

Centro de Políticas Sociais lança o estudo “Desigualdade e Favelas Cariocas: a Cidade Partida está se Integrando?”

A pesquisa, lançada na última terça-feira em coletiva de imprensa apresentada por Marcelo Neri, coordenador do CPS, tem como objetivo retratar em que ponto favela e “asfalto” se aproximaram e em que áreas se afastaram mais, como educação, renda, pobreza e desigualdade, trabalho, saúde e moradia. A pesquisa consolida estudos anteriores e atendeu inicialmente demanda da FGV Projetos de subsidiar a Prefeitura do Rio e a sociedade civil na discussão do plano diretor da cidade.

A quantidade de pessoas em situação de pobreza (ou seja, com renda abaixo de R$ 140 por pessoa na família) diminuiu de 18,58%, em 1996, para 15,07%, em 2008, nas favelas da cidade do Rio de Janeiro. Por outro lado, a pobreza aumentou de 7,87% para 9,43% no "asfalto" (moradores dos bairros), no mesmo período.
"De 1996 a 2008, a pobreza na cidade do Rio não chegou a aumentar muito. Mas o grande ponto é que no Brasil diminuiu. Ou seja, é um aumento num contexto em que a pobreza e a desigualdade brasileira estão melhorando a olhos vistos nesse período" explica Neri.
Outro dado da pesquisa é o motivo pelo qual os jovens das favelas deixaram as escolas. Trinta e um por cento dos jovens das favelas dizem que largam a escola para trabalhar e 39% a deixam simplesmente por falta de interesse. No “asfalto”, essas taxas são, respectivamente, de 22% e 25%.

Os moradores das favelas dispõem de pior acesso a serviços privados de saúde: 12,5% da população nos aglomerados subnormais possui acesso a plano privado de saúde contra 50,5% do resto da população. Ambas as proporções caíram entre 1998 e 2008.

Acesse a pesquisa na íntegra, que conta com textos, slides, vídeos e bancos de dados interativos capazes de exibir tabelas e gráficos de acordo com as necessidades do usuário.

..:: Fonte: FGV

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Pratique a Hospitalidade e aprenda...

..:: A Arte de Viver Bem ::..

Não exija dos outros o que eles não podem lhe dar,
Mas cobre de cada um a sua responsabilidade.

Não deixe de usufruir o prazer,
Mas que não faça mal a ninguém.

Não pegue mais do que você precisa,
Mas lute pelos seus direitos.

Não olhe as pessoas só com os seus olhos,
Mas olhe-se também com os olhos delas.

Não fique ensinando sempre,

Você pode aprender muito mais.

Não desanime perante o fracasso,
Supere-se o transformando em aprendizado.

Não se aproveite de quem se esforça tanto,
Ele pode estar fazendo o que você deixou de fazer.

Não estrague um programa diferente com seu mau humor,
Descubra a alegria da novidade.

Não deixe a vida se esvair pela torneira,
Pode faltar aos outros...

O amor (Ágape) pode absorver muitos sofrimentos,
Menos a falta de respeito a si mesmo!

Se você quer o melhor das pessoas,
Dê o máximo de si,
Já que a vida lhe deu tanto.
Enfim, agradeça sempre,
Pois a gratidão abre
As portas do coração.
..:: Resumindo ::..

Pratique a Hospitalidade... ela está dentro de você!

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

Por que os processos seletivos demoram tanto?

Por: Marcelo Cuellar | Na mira do headhunter / Você s/a

A demora nos processos seletivos não é desejo de nenhuma das partes participantes: candidatos, empresas nem eventuais headhunters contratados para a tarefa.
Se todos querem que o processo seja rápido, porque os processos seletivos demoram tanto?


..:: É uma ótima pergunta!! Detalharei a seguir alguns possíveis motivos:
..:: 1) As entrevistas concorrem com as agendas dos executivos ::..

Pode parecer um paradoxo: queremos contratar mas não temos tempo de entrevistar. É exatamente assim. Encaixar 3, 4 ou 5 entrevistas em uma semana pode significar o investimento de mais de 7 horas úteis. Já tentou conseguir apenas 1 hora da agenda de um executivo? Imagine 7.

..:: 2) Necessidade de várias entrevistas ::..

Se conseguir 7 horas da agenda de um executivo parecia tarefa difícil, imagine quando a empresa decide fazer as entrevistas com 4 executivos diferentes!!!

..:: 3) Muitos candidatos estão empregados ::..

Se o profissional candidato estiver trabalhando, a disponibilidade de horários para entrevista será bem reduzida. E aí há uma combinação de poucas disponibilidades: por parte dos executivos requisitantes e dos executivos candidatos.

..:: 5) Imprevistos ::..

Uma das agendas de entrevista pode ser cancelada ou alterada. E com toda a dificuldade de conciliar as agendas, o processo seletivo poderá ser adiado por mais uma semana (às vezes mais).

..:: 6) Ser o primeiro executivo a ser entrevistado pela empresa contratante ::..

Se você foi o primeiro a ser entrevistado de 5 finalistas, poderá ter que esperar até a agenda do 5º candidato ser cumprida para que você possa ser direcionado à próxima etapa. Isto porque existem requisitantes que gostam de ver TODOS os finalistas antes de decidir quais passarão adiante.

..:: 7) Mercado aquecido ::..

Com o mercado de trabalho brasileiro muito aquecido, perder profissionais ao longo das etapas do processo seletivo é comum. E isto pode prejudicar a base comparativa. Vamos imaginar um processo de 4 etapas. Imaginem que na 1ª etapa foram entrevistados 5 profissionais e 4 deles aprovados para seguir adiante. Na 2ª etapa o selecionador escolhe 2. Se um destes 2 profissionais decide abandonar o processo, pode ser que os entrevistadores da 3ª e 4ª etapa não queiram entrevistar apenas um candidato para que haja uma base de comparação. Neste caso o processo poderá ser paralisado para a busca de novos profissionais que configurem uma base de comparação representativa. O candidato “pré-aprovado” provavelmente experimentará algumas semanas de espera.

Uma boa prática para minimizar atrasos em processos seletivos é estabelecer um cronograma detalhando os responsáveis e os prazos definidos para que cada etapa possa ser cumprida.

BOA SORTE!!

..:: Visitem o blog do Marcelo Cuellar | Na mira do headhunter / Você s/a ::..

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

As 10 características do falso líder

Por: Patricia Bispo | Portal RH.com.br

A busca incessante por lideranças que façam a diferença para o negócio, só tende a aumentar. Mesmo as empresas que já contam com líderes capacitados, que levem suas equipes a terem um ótimo desempenho, continuarão na constante captação de novos talentos e investirão na formação dos líderes do futuro. Apesar dessa visível preocupação focada nas lideranças, há ainda quem detenha o "título" de líder, mas que na verdade, no dia a dia, não consegue nem dar um norte às próprias atividades quanto mais a uma equipe formada por pessoas com experiências e competências comportamentais completamente diferenciadas. Infelizmente, ainda, há pessoas que conseguem "driblar" a real visão de que pertencem ao grupo dos que apenas delegam ordens, mas que nunca conseguirão segurar o "leme" dos profissionais que estão sob suas responsabilidades. Abaixo, seguem algumas características dos falsos líderes.
1 - "Eu sei de tudo. Dou conta do meu departamento e não preciso de modismos". Um verdadeiro líder sabe que seu desenvolvimento precisa ser constante. E mais: o aprendizado não ocorre somente de maneira formal, através de treinamentos. O gestor precisa ser autodidata e reconhecer que sempre é possível aprender com aqueles que formam seu time.

2 - Se a empresa institui um Programa de Desenvolvimento de Lideranças, o "pseudogestor" entra em pânico e é o primeiro a levantar a "bandeira da resistência". Tenta convencer os demais gestores de que essa ação, desenvolvida pelo "tal RH", é apenas para mostrar serviço e finca os "pés" na zona de conforto.

3 - Caso a área de Recursos Humanos procure o "falso líder" para dar respaldo às suas atividades ou, então, firmar parcerias que visem o bem-estar da equipe, torna-se visível a repulsa. Para ele, o RH nada tem a fazer em seu departamento e deve preocupar-se apenas com assuntos burocráticos. A "moda" de RH Estratégico é passageira e sua equipe não necessita de intrusos para atrapalhar.

4 - Quando uma atividade mais complexa precisa ser desenvolvida, o falso líder convocar um ou dois membros da sua equipe para realizar o trabalho. Determina prazos, mas não acompanha o processo. Ao final, cobra o conteúdo produzido, dirige-se à diretoria para cumprir das determinações e, em momento algum, cita que contou com a "ajuda" de terceiros. Os "louros" recaem sobre sua cabeça, o que garante a sua permanência no cargo de "liderança".

5 - Outra característica de quem se autointitula de líder, mas que na prática passam bem longe, é acreditar que todos que estão ao seu redor cobiçam sua colocação na empresa. Quando identifica alguém que pode destacar-se e chamar a atenção dos dirigentes, imediatamente providencia o desligamento do profissional porque se sente ameaçado.
..:: Para conferir as outras 5 Características do Falso Líder visite o Portal RH.com.br ::..

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

A falta de "feedback" para quem escreve

Por: Silvio T Corrêa

Você escreve posts na sua comunidade, ou e-mails? Ótimo, você está incluído no público alvo desse artigo.

As vezes lemos a expressão “para quem escreve” e já pensamos em escritores, autores, colunistas e o povo desse — digamos assim — “métier”. Mas isso não é verdade. Depois da internet, todos nós somos escritores de alguma forma. Até os “digitilografos” (pessoal que escreve pelo teclado do celular) também estão incluídos.

Não vou falar sobre a teoria da comunicação porque acho que todos — ou quase todos — já a conhecem, e portanto sabem da importância do feedback e de como ele é necessário e desejável.

No entanto, ele é feito de tantas formas que muitas vezes não é inteligível, reconhecido ou, sequer, percebido. Mas ele sempre acontece.

Há alguns anos, quanto atuava no Circuito Gestão — programa do governo do Estado de São Paulo para gestores escolares —, aconteceu uma situação que me fez repensar o caso do feedback.
Como vocês sabem, no final de um treinamento sempre tem uma avaliação, padronizada, que os treinandos fazem do facilitador. Portanto, é comum acompanharmos as atitudes dos alunos, para efetuarmos “correções de rumo” durante o processo. A interação é uma dessas atitudes.
Uma turma de 52 alunos, vindos de várias regiões do Estado se São Paulo, seria “minha” por 2 dias e meio — 20hs.

No primeiro contato, durante a dinâmica de apresentações e exposição de expectativas, a turma estava ótima. Contudo, após as primeiras 2hs, um silêncio tomou conta da sala. Aquela atitude me preocupou.

Quando tinha uma dinâmica, a turma ficava animada, mas quando era uma exposição de conteúdo, ficavam todos quietos, sem qualquer pergunta, discordância ou sinal de concordância. Achava muito estranho, pois nunca tinha ocorrido comigo, algo assim.
No final do primeiro dia eu abri o jogo com a turma — é uma atitude comum, minha, ter uma conversa sobre o meu trabalho e o comportamento da turma. “Pessoal, o que está acontecendo? Vocês estão quietos, não falam. Será que o treinamento está tão chato assim?”
Apesar de ser impossível dizer que a resposta verbal de 52 alunos foi unânime, a grande maioria respondeu, em linhas gerais: “Não! Estamos prestando atenção no que você está falando.”

No restante do curso a situação continuou e comecei a reparar que não havia qualquer aluno bocejando ou com uma atitude relapsa ou mantendo uma conversa paralela.

Em mais de 150 turmas onde atuei no programa, essa foi uma das poucas onde a avaliação de excelente, para o facilitador, foi uma unanimidade.

Então, como disse, o feedback é muito relativo, e no caso de leitores fica mais complicado.

Particularmente considero que meus textos são sempre lidos, mas não sou ingênuo para achar que isso é uma verdade absoluta. Tiremos por nós: Dos textos que você recebe, quantos você lê e quantos feedbacks você emite?

Eu tento dar um retorno para todos que me enviam textos, seja diretamente, através de comunidades por e-mail ou através da “Escritores, Autores & Editores”. Contudo, nem sempre consigo, devido a uma enormidade de fatores. Exceção feita quando o autor pede o feedback.

O tempo, apesar de ser sempre taxado de “culpado”, não passa, no meu entender, de uma desculpa. Os fatores para mim são: não perceber coerência no que escreve o autor é um dos fatores; assunto muito batido não anima ler e nem dar feedback; textos longos, com mais de 2 laudas é outro fator desestimulante para a leitura; texto muito rebuscado; o chamado texto “copy-cola” e outros. Com certeza você deve ter mais uma dúzia de motivos.

Acho que uma boa solução é ter uns 50 leitores-padrão, de preferência que não seja seu pai, mãe, irmão(ã), namorado(a), esposa(o), avó ou avô. Esses dirão que seu texto está ótimo, sempre — ou que está uma porcaria, sempre.

Acho que é um bom caminho para ter no feedback, um parâmetro da qualidade dos seus textos.

O mais importante, é que você não deixe de escrever e procure sempre se aprimorar nos seus escritos.

Bons textos!

..:: Visitem o blog do Silvio Corrêa! ::..

Participem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.


Você pensa na reputação corporativa da sua organização?


De acordo com executivos, este deveria ser um assunto constante na agenda da presidência

..:: Fonte: HSM Management ::..

A reputação de uma empresa é conquistada com muito trabalho. Mas quem pensa que basta apresentar um produto de qualidade perde o bonde da história.
Não há uma fórmula precisa que determine os passos a serem seguidos, mas existem pontos cruciais que devem estar sempre em prática para que a reputação não seja maculada: comunicação aberta, governança, transparência, coerência, compromisso, interdependência.
E responsabilidade social não é mais, simplesmente, fazer o bem. Assim como sustentabilidade não é só plantar uma arvorezinha de vez em quando.

A responsabilidade social corporativa representa, hoje em dia, 40% da reputação da empresa, segundo Margareth Goldenberg, diretora de Responsabilidade Social Corporativa da Agência Repense.

De acordo com a executiva, o desenvolvimento do capitalismo trouxe aumento da riqueza e do poder e, consequentemente, aumentou também as responsabilidades. “Não dá mais para fazer negócios como há 20 anos”, ressalta Margareth. Para ela, a reputação se constrói sobre três bases: “cidadania, governança e ambiente de trabalho”.

Mas não é tão simples se comprometer com ações socialmente responsáveis. O primeiro passo é identificar a vocação, de acordo com a diretora da agência. Depois, é preciso saber qual é o público, o que essas pessoas querem e esperam, alinhar valores e visão, identificar os gaps e elaborar planos estratégicos para resolver as lacunas, manter o diálogo constante e ter em mente que sempre há espaço para melhorar.

..:: Confira o artigo na íntegra ::: HSM Management ::..

Particpem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.

1.11.2011

2011: O ano da Comunicação. O nosso Ano!

Caros leitores,

Escrevo esta postagem para - novamente - dar as boas vindas ao ano de 2011! Trata-se do ano da comunicação e da intelectualidade. Se vocês pesquisarem mais, notarão que é o ano de "outras coisas" também!

Bem, a partir da próxima semana será para valer... passaremos a atualizações semanais, retomaremos os artigos de minha autoria e também as entrevistas com profissionais de Recursos Humanos e dos diversos segmentos que compõem a cadeia produtiva do turismo e da hotelaria.

Gostaria de compartilhar algumas informações relevantes com vocês, leitores, mas também com os colegas comunicadores e demais profissionais da imprensa. Assim, apresento a seguir alguns tópicos de interesse para que possamos em 2011, mais do que nunca, estreitar nosso relacionamento e colaborar para difusão da informação e a democratização do debate.



..:: Difusão da informação e a democratização do debate ::..

Essa é a bandeira da [RH em Hospitalidade], empresa de assessoria organizacional em treinamento & desenvolvimento profissional com foco em Serviços de Turismo, Eventos, Transportes, Hotelaria e Gastronomia.

Somos uma empresa virtual, que tem na web as principais plataformas de diálogo e interlocução com o mercado e a academia. Essa visão fundamenta-se do desejo de difundir mais e melhor informação a maior e melhor público.

..:: Imprensa ::..

Convidamos os colegas comunicadores e jornalistas dos diversos meios, ligados direta ou indiretamente ao turismo, a compartilhar e sugerir conteúdos, sejam chamadas de eventos, concursos, oportunidades de emprego e trabalho, bem como releases sobre cursos e negócios em geral.

O conteúdo será criteriosamente analisado e, conforme conveniência, publicado em nosso blog e indicado, também, a outros editores. Será um prazer colaborar no desenvolvimento de seus negócios e de seus clientes também.

..:: Atualizações ::..

A partir de 2011 redefinimos a estratégia mercadológica da empresa, o que definiu atualizações semanais para nosso blog corporativo. Então, sempre às sextas-feiras teremos novidades e, em média, dez novas postagens no ar. Esse conteúdo será acompanhado de forte difusão por meio das redes sociais e de disparo de e-mail marketing.

..:: Redes Sociais ::..

Estamos virtualmente presentes nas principais redes sociais também. Participem e interajam para ter acesso a nosso conteúdo em primeira mão e saber sempre antes do que acontece na vanguarda do mercado de qualificação profissional no setor de serviços.

Particpem de nossos diversos canais: Twitter , Linked In, Orkut, FaceBook, Via 6, SlideShare, You Tube e Multiply, OverStream.


Um forte abraço!

Sucesso sempre,
Aristides Faria
Consultor | Palestrante

1.07.2011

2011, seja muito bem vindo!

Prezados leitores,

Escrevo nosso primeiro post do ano com muita alegria. Caminhamos juntos há mais de três anos, tempo suficiente para que eu pudesse conhecer e servir pessoas, colegas e mesmo criar amigos.

A experiência de criar e compartilhar conteúdo é muito bacana e me ensinou que a estratégia que adotamos quando iniciamos nosso projeto, em outubro de 2007, pode ser muito enriquecedora e útil, além de um ótimo meio para consolidar bons negócios.

..:: Indicadores de desempenho ::..

Lançamento: 02 de outubro de 2007
Postagens: 1.708
Acessos: 64.281 (38 visitantes por postagem, em média)

Estes são os três principais índices que determinam o caminho – virtual – tomado por nosso blog, que originou nossa empresa.

..:: Metas do ano ::..

Acessos: 100.000 (faltam: 35.719)
Atualizações semanais: 48 (sendo uma média de 10 postagens por atualização)
Serão aproximadamente 150 postagens, que deverão convidar cerca de 240 visitantes. Destes, pretendemos obter cada vez mais comentários e participações. Teremos de multiplicar por seis a média de visitantes por postagem. Um desafio.
..:: Conteúdo ::..

Retomaremos alguns projetos e ações. Há idéias e planos sendo amadurecidos. Precisamos ainda de um pouco de tempo. Aguardem, valerá a pena! Em relação ao conteúdo disponibilizado em nosso blog, voltaremos a escrever artigos e relatos de eventos e viagens, bem como voltaremos a publicar artigos de colegas também.

Compartilharemos ainda mais vídeos e slides que os profissionais de RH poderão utilizar em suas atividades. Gradativamente passaremos a publicar oportunidades de negócios e trabalho. E focaremos, sobretudo, nas redes sociais enquanto meios para o alcance das citadas metas.

Contamos com a participação de todos! Envolvam-se e comentem! Vamos juntos consolidar o blog [RH em Hospitalidade] como um espaço para a troca democrática de idéias e reflexões!

Compartilhem notícias e conteúdos! Será um prazer publicar material de colegas e estabelecer novas parcerias! Contem sempre conosco!

Um forte abraço,
Sucesso sempre,
Aristides Faria